3 de fevereiro de 2012

Significado de alguns palavrões em Inglês


O conhecimento é a melhor alternativa à ignorância. Não pense que, pelo facto de escutares estes termos com frequência em filmes, veres em letras de música, etc... é normal e correcto usá-las. Se,  e somente se, for necessário, use-as sempre com cautela, não esquecendo que uma palavra vale mais que mil gesto.


Estes são alguns palavrões que normalmente oiço em algumas músicas Americanas, de Genero Rap, decidi mencionar os palavrões, bem como os seus significados.


Obs: As frases seguintes foram escritas sem censura. Leitura proibida à menores de 18 anos, e pessoas de fraca sensibilidade. Não me responsabilizo por qualquer tipo de dano que as palavras a seguir possam causar ao leitor.  

 ---------------------------------------------------------
 
WANKER: Inútil, incompetente.
Usado para chamar alguém de idiota, ou incompetente, normalmente homem, usa-se a palavra wanker, que em gíria significa punheteiro.
 
MOTHERFUCKER: Filho Da Puta.

Motherfucker, ou simplesmente Mother, é a gíria-tabu mais ofensiva e degradante da língua inglesa, pois implica ter relações sexuais (fuck) com a própria mãe (mother).


SON OF A BITCH (US): Filho Da Puta.
Também se escreve sonofabitch, e usa-se a abreviação S.O.B., e no plural, diz-se sons of bitches.
 
(TO) FART : Expelir gases intestinais, peidar, peido
.

Na gíria inglesa, perder tempo fazendo coisas desnecessárias ou sem importância, ou seja, enrolar, embromar, é to fart about ou to fart around. E uma pessoa chata que não merece respeito é an old fart.
 
(TO) BITCH: vaca, coisa problemática ou difícil, reclamar, falar mal.

Do sentido original cadela, a palavra bitch se tornou um termo ofensivo para indicar uma mulher vadia, irritante ou cruel. Por extensão, também designa qualquer coisa problemática ou desagradável, com por exemplo o diabo.


PUSSY: Vagina, mulher como objeto sexual.
No sentido convencional, a palavra pussy ou pussy cat significa gatinho, e é usada principalmente por crianças, para designar esse bicho peludo de estimação. Como gíria, é considerada extremamente ofensiva.


BLOW JOB: Felação, chupeta, chupada, boquete.
Chupar pode ser traduzido como to suck, mas em gíria, para indicar a acção de chupar o pénis, usa-se o verbo to blow, que quer dizer soprar, assoprar.


BASTARD: Crápula, cretino, imbecil.
O sentido usual de bastard é bastardo, filho ilegítimo. Também se usa a palavra de modo humorístico, em expressões como:


Poor bastard!  
 - Coitado! 


You lucky bastard! 
- Sortudo! 


This test is a bastard! 
- Esta prova tá muito difícil!


ASS (US)/ARSE (UK): Nádegas, bunda, rabo, cu.
A palavra ass, ou na versão britânica, arse, é muito usada em expressões coloquiais ou grosseiras, tais como:


Get your ass over here right now! 
- Vem pra cá, já! 


Move your ass or you'll be late. 
- Vamos, depressa, senão vais chegar atrasado. 


Get off your ass! ou Get your ass into gear! 
- Mexa-se! 


You'd better cover your ass. 
- É melhor você fazer algo para evitar crítica ou repreensão. 


A: He seemed like a nice guy.
B: Nice, my ass!
- A: Ele pareceu um cara legal.
- B: Legal, uma ova!


He doesn't know his ass from his elbow. 
- Ele é totalmente incompetente. 


Up your ass! 
- Vá tomar no cu!
Usado por homens, ao referirem-se a mulheres do ponto de vista sexual.


A nice piece of ass. 
- Um pedaço de mau caminho.

Damn: pode ser uma exclamação, como "Droga!"
Ex.: Damn. Where's my cell phone? = Caramba! onde está o meu telefone?
OBS.: damn também pode ser o verbo danar, ferrar, amaldiçoar.
Ex.: Damn you. I never loved you. = Vá se ferrar. Eu nunca te amei.


Goddamn ou god damn: é a mesma coisa da palavra anterior, mas com ênfase. Não é bem vista, por ser considerada blasfémia.
Ex.: Close this goddamn door! = Fecha essa maldita porta!


Shawty, gal, chick, mama, mami, lil' mama: significa gata, gatinha, garota em geral.
Ex.: Hey, chick, what are you up to? = Oi, garota. Que você tá fazendo?


Boo: é usada para se referir a alguém com amor, com muito carinho.
Ex.: I'm fallin' in love with you, my boo = Estou apaixonado por você, meu amor.



Guy, dude, man: significa cara, rapaz, homem.
Ex.: Hey man. Where have you been? = Ei, cara. Onde você esteve?


Y'all, you all, you's, you'se, you guys, you folks: formas populares de dizer "vocês".
Ex.: I'm already tired of y'all = Já estou cansado de vocês.
OBS.: Y'all é a contração de you all, é usada mais na região sul dos Estados Unidos, como no estado da Flórida.


E'rybody, e'rythin', e'ryday, anythang, thang, sumtimez: são expressões usadas em letras de rap. Os rappers utilizam esse tipo de contração para conseguir mais rimas ou melhorar a sonoridade das canções. Ou, mesmo, em alguns casos, só pelo prazer de escrever diferente.


Ya: o mesmo que you, usado em frases bem informais para melhorar a rima.
Ex.: I won't tell ya the truth yet = Ainda não vou te contar a verdade.


Cha: Não é bem uma contração, mas é uma forma gira de se escrever. Ocorre quando tem-se uma palavra terminada com "t" antes de ya.
Ex.: I want cha now = I want ya now = Eu te quero agora.
Ex.: Gotcha! = I got ya! = Entendi!
Ex.: I letcha go = I let ya go = Eu deixo você ir.


Yo': A palavra lembra nosso primeiro exemplo, mas geralmente tem o som mais fechado. Nesse caso, é a contração de your.
Ex.: You'd never seen in yo' whole life = Você nunca viu em toda a sua vida.


Cho: Assim como cha, é mais um jeito diferente de se escrever. Acontece quando se tem uma palavra terminada com "t" antes de yo'.
Ex.: I want cho love = I want yo' love = I want your love = Eu quero o seu amor.


Lemme: contração de let me.
Ex.: Please lemme at peace! = Por favor, me deixa em paz!


I'ma, I'mma, Ima: é uma forma mais rápida de dizer I'm about to ou I'm going to. Usa-se quando você está prestes a fazer algo, um futuro imediato.
Ex.: I'ma sleep right now = Vou dormir agora mesmo
OBS.: É uma forma muito informal, usado somente entre amigos, ou familiares.


C'mon: é contração de come on. É como se fosse "vamos lá", "vambora".
Ex.: C'mon. Say what you feel = Vamos, diga o que sente.


Gimme: contração de give me. Ou seja, "dá me", "me dê", "dê-me".
Ex.: Gimme the key = Me dá a chave.


Outta: contração de out of. Isto é, "fora de".
Ex.: Get outta here, you sucker = Cai fora daqui, seu otário.


'em: também comum no inglês falado, é a contração de them.
Ex.: The blame is on 'em = A culpa é deles


'er: contração de her.
Ex.: I sent to 'er = Eu mandei para ela.


'im: contração de him.
Ex.: I wanna win it before 'im = Quero vencer antes dele.


'fore: contração informe de before.
Ex.: I'll get there 'fore you = Vou chegar lá antes de você.


ain't: é uma contração muita usada, presente em quase toda letra de rap. Pode significar am not, is not, are not, have not, has not, there is not, there are not. Às vezes é seguida do advérbio de negação no, como forma de ênfase.
Ex.: I ain't got nothing to say = Não tenho nada a dizer.
Ex.: Ain't no person who's able = Não há ninguém capaz.
Ex.: They ain't nice with me = Eles não são legais comigo.
OBS.: possivelmente a palavra ain't é originada de amn't, que se trata de uma contração arcaica de am not. Com o tempo, o uso da gíria perdeu o controle e caiu no gosto popular.


Gotta: contração de have (has) got to, ou mesmo, got to. Funciona como o verbo modal must, isto é, indica dever, necessidade.
Ex.: I gotta get outta here! = Tenho que sair daqui!
Ex.: He's gotta take my buck back = Ele tem que devolver minha grana.


Gonna, gunna, gon': contração de going to. Indica futuro imediato e é normal na conversa.
Ex.: I'm gonna buy that netbook = Vou comprar aquele netbook.
Ex.: Never gonna give you up = Nunca vou desistir de você.
Ex.: She gonna tell 'em the reason = Ela vai dizer a elas a razão.
OBS.: Às vezes, é omitido o verbo to be. A forma gon' é um jeito mais rápido de dizer gonna.


Wanna: contração de want to ou want a. Comum também na fala e presente em letras de músicas.
Ex.: I wanna show you who I am = Eu quero te mostrar quem sou eu.
Ex.: In my birthday I wanna new computer = Em meu aniversário eu quero um novo computador.


Tryna: contração de trying to. No sotaque americano, quando você pronuncia trying to bem rápido, soa como tryna. Isso não ocorre com o sotaque britânico, que é mais rígido.
Ex.: I'm tryna download that file = Estou tentando baixar aquele arquivo.
OBS.: Pode parecer estranho, mas é como no português, quando dizemos rápido "tentano" em vez de "tentando". Só que, diferentemente, de nossos hábitos, os rappers fazem questão de explicitar o jeito de se pronunciar uma palavra.


Kinda: contração de kind of. Pode significar "um pouco" ou "tipo de".
Ex.: She's the kinda woman I need = Ela é o tipo de mulher que eu preciso.
Ex.: I'm kinda bored for now = Estou meio chateado agora.


Sorta: contração de sort of. Mesmo significado de kinda.
Ex.: A sorta fairytale = Uma espécie de conto de fadas.


Shoulda, coulda, mighta, woulda: contração de should have, could have, might have e would have, respectivamente.
Ex.: You shoulda shown the results = Você deveria ter mostrado os resultados.
Ex.: Peter coulda been better at it = Peter poderia ter sido melhor nisso.


Shouldna, couldna, wouldna: contração de should have not, could have not e would have not, respectivamente.
Ex.: I shouldna done it = Eu não deveria ter feito isso.
OBS.: a contração mightna geralmente é associada a might not.


Hadda: contração de had a ou had to.
Ex.: If she hadda gone there, I'd be okay = Se ela tivesse ido lá, eu estaria bem.
Ex.: I hadda feelin' for her but it's over. Eu tinha um sentimento por ela, mas acabou.


Needa: contração de need to.
Ex.: Hey guys, I needa talk to you = Fala aí, gente. Preciso falar com vocês.


yeah, yea, yep, yup, ya: expressões de confirmação ou felicidade. Pode significar "sim" ou "e!" no sentido de aprovação. Em português "sim" é usado em situações um pouco mais formais. Da mesma forma, em inglês, yes é usado pra enfatizar a educação, mostrar mais respeito. O yeah é mais comum na fala do dia-a-dia, sendo que yup é uma forma alternativa, mais recente.
Ex.: Do you like it? Yeah, for sure! = Você gosta? Sim, com certeza!
Ex.: You ready? Yeah = Estás pronto? Estou.
Ex.: This is awesome. Yeah, indeed = Isso é maravilhoso. De facto é.

Nope, nah: expressões de negação, usadas mais no quotidiano e bem comuns em salas de bate-papo.
Ex.: Have you ever seen a ghost? Nope = Alguma vez você viu um fantasma? Nãooo.
Ex.: There was someone into the cemetery. Nah, bullshit = Tinha alguém no cemitério. Que nada, bobagem.


'cause, cuz, coz, cus, cos: são contrações de because. Indica causa, razão, motivo.
Ex.: That happened 'cause the light was off = Aquilo aconteceu porque a luz 'tava apagada.
OBS.: O mais certo seria 'cause como contração de because. Mas, devido aos inúmeros sotaques e também por causa lei do esforço mínimo na fala e na escrita, acabaram criando as outras palavras.


'bout: contração de about.
Ex.: We 'bout to start a new song = Nós estamos quase começando um novo som.


'round: contração de around.
Ex.: We're present 'round the world = Nós estamos presentes ao redor do mundo.


an' ou simplesmente 'n': contração de and.
Ex.: Their shop have our CDs 'n' DVDs = A loja deles tem nossos CDs e DVDs.


lil': forma mais curta de little.
Ex.: What a lil' pet! Where does it come from? = Que animalzinho! De onde veio?


pho sho: é uma forma excêntrica de se escrever for sure. Quer dizer, "com certeza".
Ex.: I'll be there pho sho = Vou estar lá sem dúvidas.


da (tha), dat, dis: jeitos alternativos de se escrever the, that e this, respectivamente.
Ex.: She's in da club = Ele está no clube.
Ex.: Dat car is amazing = Aquele carro maravilhoso.


thug, gangsta: significa bandido, canalha, assassino. Mas, no mundo do rap, significa rapper, cara que é maneiro, que arrasa, que sai com um monte de mulheres.
Ex.: Just 'cause I'm the thug? = Só por que sou o cara?

Nigga: gíria que se refere a uma pessoa negra, sendo que só pode ser pronunciada por pessoas também negras, senão é considerado preconceito racial. Pode significar "cara", "amigo", "camarada" ou homem em geral.Ex.: Hey niggas, how you doin'? = E aí, caras, beleza?
Ex.: Those niggas are fucking with me = Aqueles caras estão me sacaneando.
OBS.: Se uma pessoa que não é negra pronunciar essa palavra em ambiente público, é vista com muita hostilidade. Existe ainda a palavra nigger, que tem um caráter mais ofensivo. Ambas são conhecidas como The N-Word para evitar dizer a palavra original.


bastard, stupid, asshole, idiot, dumbass: Os equivalentes em português são: imbecil, estúpido, babaca, idiota e burro, respectivamente. Ou seja, são palavras usadas para ofender alguém.
Ex.: You stupid. Take your hands outta here = Seu estúpido, tire as mãos daqui.


shit: merda. Pode se referir a fezes, propriamente ditas, ou pode querer dizer espanto, raiva, admiração, desapontamento.
Ex.: Shit. He's gone = Merda. Ele se foi.


bullshit: a palavra é equivalente a "conversa fiada", "mentira", "história pra boi dormir".
Ex.: Stop saying this bullshit = Para com essa mentira.


fag, faggot: significa "gay", "boiola", "viado", "bicha", "homossexual".
Ex.: You're just a fag = Você é simplesmente gay.


bitch, whore, hoe: mulher que sai com vários homens; vadia.
Ex.: Keep away from my husband, you bitch! = Fique longe do meu marido, vagabunda!


dick, stick, cock: apelidos para o órgão sexual masculino.

fuck: o verbo to fuck é multiuso. Quando a palavra está isolada (interjeição), indica raiva, ira, desapontamento, tédio, desgosto; ou, paradoxalmente, até alegria. Usada como verbo, significa ferrar, danar, destruir, acabar, prejudicar.


the fuck: quando usado após um pronome interrogativo, serve para enfatizar a frase.
Ex.: What the fuck is it? = Que merda é essa?
Ex.: Who the fuck are you = Quem é você, cacete?
Ex.: Where the fuck I put my copybook? = Onde será que larguei meu caderno?


fucking: quando usado antes de um adjetivo, significa "muito", "à beça".
Ex.: Wow. She's fucking hot = Ela é gostosa para caramba.
OBS: às vezes se diz motherfucking em vez de Fucking, pra enfatizar.


Fuck off: o mesmo que get off, porém trata-se de um palavrão. Usado quando se quer que alguém ou alguma coisa saia daquele local.
Ex.: Fuck off, bastard! = Cai fora, imbecil!


Fucking hell: expressão exclamativa equivalente a "p*ta que pariu".

Enjoy yourself, bye...