15 de dezembro de 2014

Os 3 jogadores fundamentais do Manchester United










David De Gea, o jovem guarda redes espanhol, talismã do Man Utd. 
Após um inicio de carreira difícil, respondeu bem às criticas, melhorou e atingiu o potencial previsto por Sir. Alex Ferguson, que fez desembolsar cerca de 20 Milhões para contratar o jovem do Atlético de Madrid. 

Agora é certamente o melhor Guarda-Redes da Barclays Premier League, e um dos cincos melhor do mundo. Pela idade que tem, 24 anos, será o Guarda Redes do Manchester United pelo menos por mais 10 anos, a não ser que lesões prejudicam a sua lesão ou o colosso Real Madrid convide o jogador a fazer o mesmo percurso que o David Beckham, Gabriel Heinze, e Cristiano Ronaldo. Algo que parece ser muito dificil contrariar tendo em conta a dimensão do Real Madrid e a imensa qualidade do DDG, e o assedio aumenta cada vez mais após grandes exibições, tais como foi a exibição frente ao Everton e Liverpool Fc.



                                                    



Wayne Rooney, o Génio inglês do futebol, é uma pena ter nascido na geração CR7, LM10, ZI10...mas não está muito longe deles.
Não é fácil chegar à Old Trafford e tornar-se numa lenda, após ficar na sombra de jogadores como David Beckham, Cristiano Ronaldo, etc.
Simplesmente genial, não o julguem pelas acções quando está irritado ou pela falta de golos, analisem a determinação em campo e a inteligência na finalização. Tal características fizeram-lhe receber a alcunha "The White Pele" (O Pelé Branco).
Ele é simplesmente genial,o tipo de jogadores que todos os treinadores gostariam de ter no seu plantel, podendo jogar onde a equipa estiver a precisar de ajuda, sempre com um grande espírito de entre-ajuda cobrindo até a defesa e por vezes jogando fora da sua posição natural e preferencial (Ponta de Lança) por opção táctica dos treinadores, o que é extremamente difícil e frustrante.



                          

Michael Carrick, grande craque, infelizmente é o jogador mais desvalorizado de sempre. O 20º troféu do Man Utd ficou na história pelos 26 golos do RVP, mas não podemos esquecer a enorme contribuição do Michael Carrick. É um grande jogador, segundo o melhor médio centro de sempre, Paul Scholes, a par do Andrea Pirlo, ele é um dos melhores jogadores com quem ele teve a oportunidade de estar em campo. E isso sem sombras de dúvidas é verdade, basta analisar a qualidade exibicionista do craque inglês nos últimos jogos, vê-se a sua enorme classe, que acabou por afectar à equipa, fazendo o Man Utd ganhar os últimos 6 jogos que disputou e tornando-se o melhor "passador" da liga, desde que ele regressou de uma lesão.